ESG nas empresas: o que é, qual a importância e como adotar

profissional-planejando-ESG-nas-empresas

Cada vez mais, a população se preocupa com a questão da sustentabilidade. Por isso, as práticas sustentáveis já deixaram de ser uma tendência no mundo corporativo e passou a ser uma exigência, sendo o ESG nas empresas um tema comum na rotina.

É por isso que a agenda ESG é um tema cada vez mais presente nas discussões de investidores, conselhos de administração e lideranças de negócios. Hoje em dia, empresas comprometidas com pautas sociais e ambientais são melhores vistas pelo mercado — tanto pelos clientes como por potenciais investidores.

Se você tem ou gostaria de ter um negócio, se atentar para as práticas de ESG é fundamental —  independentemente do tamanho da sua empresa!

E é por isso que a gente preparou este artigo. Aqui, você vai entender o que é ESG, como aplicar ESG nas empresas e quais são os benefícios dessas práticas para o negócio.

Acompanhe!

  1. O que é ESG?
  2. Quais os princípios do ESG?
  3. E o que é ESG nas empresas?
  4. Quais são os benefícios do ESG nas empresas?
  5. Como implementar práticas de ESG nas empresas?

O que é ESG?

ESG é a sigla para Environmental, Social and Governance, ou, em português, Ambiente, Social e Governança. Esse conceito se refere à integração da geração de valor econômico ligado à preocupação com questões ambientais, sociais e de governança.

O ESG, portanto, é o conjunto de práticas que define se uma instituição é ou não sustentável, socialmente consciente e corretamente gerenciada.

Como surgiu o ESG?

A história do ESG teve início há mais de 50 anos, quando começaram a ser feitos os primeiros investimentos baseados em estilo de vida e crenças, nos anos 1970.

Nessa época, o senso moral começava a guiar alguns investidores, que tinham como base principalmente as crenças das empresas em relação à Guerra do Vietnã.

Somente em 2004, no entanto, o conceito de ESG tomou forma e se tornou oficial. Nessa época, o termo foi citado pela primeira vez em uma publicação do Pacto Global em parceria com o Banco Mundial. A partir disso, as empresas começaram a captar recursos e desenvolver estratégias para promover a melhoria ambiental e diminuir os impactos causados por suas ações tanto no meio ambiente como na sociedade.

Quais são os princípios do ESG?

O conceito de ESG é norteado por três princípios básicos, como já falamos aqui — ambiental, social e governança. Saiba mais sobre cada um deles!

Ambiental

Para que uma empresa seja considerada sustentável, ela deve cumprir algumas exigências nesse campo. São elas:

  • fazer gestão de resíduos;
  • ter uma política de desmatamento, caso isso se aplique às atividades do negócio;
  • usar fontes renováveis de energia;
  • se posicionar em relação às questões de mudanças climáticas;
  • entre outras coisas.

Além disso, se a empresa possui terras, deve ter uma política voltada para a preservação da biodiversidade nesse espaço.

Social

O pilar social do ESG diz respeito, principalmente, ao cuidado que a empresa tem com o bem-estar dos seus colaboradores. Aqui entram algumas questões como:

  • taxa de turnover;
  • planos de previdência;
  • nível de envolvimento dos funcionários na gestão da empresa;
  • benefícios e vantagens oferecidos ao time, além do salário;
  • remuneração justa em relação ao mercado e aos valores praticados dentro da empresa.

E, além disso, o pilar social também pode envolver aspectos ligados à relação com fornecedores e com a comunidade na qual a empresa está inserida.

Governança

Já a governança é o princípio relacionado à administração do negócio. O ponto principal aqui é entender se a empresa atende aos interesses das várias partes que fazem parte do negócio, como os funcionários, acionistas e clientes.

Algumas questões são importantes aqui, como:

  • transparência financeira e contábil;
  • divulgação de relatórios completos e honestos;
  • remuneração de acionistas;
  • entre outras coisas.

Aproveite e receba outros conceitos das empresas em nossos conteúdos do blog e recebendo diretamente por e-mail. Inscreva-se no formulário abaixo da nossa newsletter.

E o que é o ESG nas empresas?

Dentro das empresas, as práticas ESG são usadas para medir se o negócio é sustentável e se preocupa com os seus impactos no ambiente e na sociedade. Esse é um índice que vai além do desempenho financeiro e se relaciona com outras questões, como aquelas que já citamos aqui no artigo.

É a partir da análise desse índice que os investidores decidem se uma empresa é uma opção viável de investimentos sustentáveis.

Para que serve?

Hoje em dia, o ESG serve como critério de análise sobre oimpacto socioambiental das ações das organizações. Isso permite uma tomada de decisão mais consciente por parte dos clientes e investidores, que podem tomar atitudes mais alinhadas com os seus princípios.

O assunto é tão sério que hoje em dia o ESG é usado como critério por diversos fundos de investimento, que preferem reconhecer empresas que apresentem bons níveis de responsabilidade social, ambiental e de governança.

Quais são os benefícios do ESG nas empresas?

Como você já deve imaginar lendo até aqui, implementar práticas de ESG traz muitas vantagens não só para a empresa, mas para toda a sociedade. 

Mas como estamos falando de negócios, vamos listar aqui os principais benefícios do ESG para empresas!

Redução de custos

No primeiro momento, a implementação dessas práticas de redução de custos pode exigir alguns investimentos. Mas, no longo prazo, isso pode trazer grande economia.

Sustentabilidade

Empresas que implementam práticas ESG são mais transparentes sobre suas operações e mais propensas a ter políticas de preservação e diminuição de impactos no meio ambiente, além de trabalhos voltados para a responsabilidade social.

Como resultado, elas se tornam mais sustentáveis — e mais admiradas pelo mercado.

Segurança para os investidores

Como já falamos aqui, os investidores já utilizam os critérios de ESG como índice para avaliar se uma empresa é ou não uma boa opção de investimento.

Isso quer dizer que empresas sustentáveis têm mais chances de receber os investimentos que precisam para crescer e se destacar no mercado.

Mais crédito

Diversos bancos e instituições financeiras já oferecem linhas de crédito especiais para negócios com boa classificação ESG. Isso porque essas empresas, além de melhores vistas pelo mercado, são consideradas mais propensas a pagar suas dívidas.

Competitividade

Empresas com boa classificação de ESG também têm maior capacidade de atrair e reter talentos, o que as torna mais produtivas e inovadoras — e, consequentemente, mais competitivas.

Fidelização de clientes

Além dos investidores, os clientes também admiram mais as empresas com boas práticas de ESG. Isso, além de trazer mais clientes, facilita a sua fidelização, o que pode levar também ao aumento do lucro.

Como implementar práticas de ESG nas empresas?

Agora que você já sabe o que são as práticas de ESG nas empresas e quais os seus benefícios, veja como começar a implementá-las no seu negócio!

Defina uma equipe responsável pelo processo

É importante definir quais são as pessoas responsáveis pela implementação do ESG dentro da empresa. Para isso, você pode recrutar pessoas que já fazem parte do time e têm conhecimentos sobre o funcionamento do negócio e contratar novas pessoas.

Dessa forma, você traz conhecimento de fora sobre as práticas ESG e junta a ele o conhecimento que o seu time já tem sobre as particularidades do negócio.

A ideia é que esse time debate, planeje, execute e mensure os resultados do ESG na empresa.

Crie uma estratégia

Esse time, além de planejar as ações, deve desenvolver estratégias para a sua implementação. Para isso, pode considerar diferentes metodologias existentes, como o Ciclo PDCA ou 5W2H, por exemplo.

Defina as práticas a serem implementadas

A escolha dessas práticas deve considerar uma série de fatores, como as características do negócio, suas necessidades e recursos disponíveis para implementação.

Veja alguns exemplos de práticas que podem ser adotadas seguindo cada um dos pilares de ESG:

Ações ambientais:

  • adotar fontes de energia renováveis;
  • definir medidas de prevenção a desastres ambientais;
  • diminuir a geração de resíduos;
  • evitar poluição causada pelo descarte de substâncias tóxicas;
  • reduzir ou zerar a emissão de gases do efeito estufa.

Ações sociais:

  • contribuir com projetos sociais;
  • ajudar a comunidade no entorno da empresa;
  • cuidar da saúde física e mental dos colaboradores;
  • oferecer remuneração justa e outros benefícios;
  • garantir o bem-estar no ambiente de trabalho;
  • investir no desenvolvimento pessoal e profissional dos colaboradores.

Ações de governança:

  • ser transparente em todas as relações;
  • seguir a legislação em todas as esferas do negócio;
  • garantir a inclusão e a diversidade nos cargos de gestão;
  • combater a corrupção.

Estabeleça prioridades

Como em qualquer mudança, essas ações serão implementadas aos poucos, afinal, exigem muito esforço e comprometimento. Como não dá para colocar tudo em prática de uma vez só, é importante que a equipe responsável pelo processo defina prioridades.

Depois disso, as ações devem ser implementadas conforme essa definição, sempre sendo acompanhadas e mensuradas pelo time. Com isso, a equipe entenderá qual a melhor forma de implementar as próximas ações!

Conte com a Agilize!

A transparência e a organização financeira e contábil é um passo importante na implementação do ESG nas empresas. E você pode contar conosco para isso!

Nós somos a Agilize, a primeira contabilidade online do Brasil, e a nossa missão é descomplicar a contabilidade da sua empresa. O nosso time cuida de tudo, desde a abertura do negócio até a apuração mensal de impostos, passando pela elaboração de todas as obrigações acessórias.

Assim você garante que a empresa cumpre com todas as suas obrigações fiscais e contábeis de forma transparente e com muita organização. Tudo o que o nosso time faz fica registrado na nossa plataforma e você pode acompanhar de onde estiver – basta ter acesso à internet!

Além disso, com a contabilidade organizada você tem acesso a relatórios completos sobre as suas operações, o que é muito importante tanto para a tomada de decisões internas como para a captação de investimentos.

Para saber como podemos ajudar e fazer parte da implementação do ESG na sua empresa, clique abaixo e receba uma proposta personalizada!