O que é cultura empresarial e como ter a sua?

cultura-empresarial

Não é segredo que a cultura empresarial é um elemento fundamental para o sucesso de qualquer organização. Pois é ela quem define os valores, crenças, práticas e comportamentos que guiam as ações e decisões de uma empresa.

Neste artigo, vamos explorar o que é cultura empresarial, qual sua importância, os diferentes tipos existentes e como você pode desenvolver e cultivar uma cultura empresarial forte e positiva em sua empresa.

Acompanhe!

  1. O que é cultura empresarial?
  2. Qual a diferença entre cultura empresarial e clima organizacional?
  3. Qual a importância da cultura empresarial para uma organização?
  4. Os 4 tipos de cultura empresarial
  5. Como definir sua cultura empresarial?

O que é cultura empresarial?

Como vimos na introdução, a cultura empresarial é um conjunto de valores, crenças, normas, práticas e comportamentos compartilhados pelos membros de uma organização. 

Essa cultura influencia a maneira como os colaboradores se comportam, interagem entre si e tomam decisões no ambiente de trabalho.

Em sua essência, a cultura empresarial define a identidade da empresa e guia suas ações e direcionamentos.

Para isso, ela pode abranger diversos aspectos, desde a forma como os colaboradores se comunicam até as políticas adotadas pela organização. Uma cultura empresarial forte é essencial para promover a coesão, o engajamento e o sucesso da empresa a longo prazo.

Qual a diferença entre cultura empresarial e clima organizacional?

Sim, esses conceitos são diferentes. E a diferença entre cultura empresarial e clima organizacional está em sua natureza e abrangência.

Cultura empresarial

É um conjunto mais profundo e arraigado de valores, crenças, normas e práticas compartilhadas pelos membros de uma organização ao longo do tempo.

Além disso, a cultura organizacional reflete a identidade e a personalidade da empresa, influenciando a forma como os colaboradores se comportam e tomam decisões.

Clima organizacional

Por outro lado, o clima organizacional se refere à atmosfera ou ao ambiente psicológico que os colaboradores percebem em um determinado momento.

É uma medida temporária e superficial do ambiente de trabalho, que pode variar conforme as circunstâncias e acontecimentos.

Além disso, o clima organizacional envolve a percepção dos colaboradores em relação a fatores como comunicação, liderança, relacionamentos interpessoais, entre outros.

Em outras palavras, enquanto a cultura empresarial representa os valores fundamentais e a identidade de longo prazo de uma empresa, o clima organizacional se refere à atmosfera percebida pelos colaboradores em um determinado momento.

Porém, ambos são importantes para a operação e o sucesso de uma organização, apesar de possuírem características distintas.

Antes de continuar, já se inscreve em nossa newsletter e receba as principais informações sobre o mercado empreendedor.

Qual a importância da cultura empresarial para uma organização?

Como você já deve ter entendido até aqui, a cultura empresarial desempenha um papel fundamental para uma organização.

Pensando nisso, trouxemos alguns exemplos de motivo que comprovam o quão essencial é a cultura para uma organização.

Atração e retenção de talentos

Uma cultura empresarial forte e positiva é um diferencial na atração e retenção de talentos qualificados.

Nesse contexto, colaboradores que se identificam com a cultura da empresa querem fazer parte da equipe e tendem a permanecer nela por mais tempo, reduzindo a rotatividade de pessoal.

Engajamento e produtividade dos colaboradores

Uma cultura empresarial que promove valores como transparência, colaboração e reconhecimento tende a aumentar o engajamento dos colaboradores.

Dessa forma, colaboradores engajados são mais produtivos e estão mais motivados a contribuir para os objetivos da empresa.

Inovação e criatividade

Uma cultura empresarial que valoriza a experimentação, o pensamento crítico e a busca por soluções criativas estimula a inovação.

Por isso, os colaboradores se sentem encorajados a propor ideias e assumir riscos calculados, o que pode levar a novas oportunidades e melhorias nos processos.

Desempenho organizacional

Uma cultura empresarial positiva está diretamente ligada ao desempenho e à eficiência da organização como um todo.

Isso contribui para que os colaboradores estejam alinhados com os valores e objetivos da empresa e trabalhem de forma mais colaborativa e eficaz, impactando positivamente os resultados.

Reforço da identidade da marca

A cultura empresarial reflete os valores e a identidade da empresa, ajudando a fortalecer a marca.

Afinal, uma cultura coesa e autêntica cria uma imagem positiva da empresa, tanto para colaboradores quanto para clientes e parceiros.

Os 4 tipos de cultura empresarial

cultura-empresarial

De acordo com estudos sobre o tema, existem quatro tipos principais de cultura empresarial, cada um com suas características distintas.

Cultura hierárquica

Esse modelo cultural é caracterizado por uma estrutura organizacional rígida e uma forte ênfase na autoridade e na hierarquia.

Nesses casos, decisões são tomadas de cima para baixo, com pouca participação dos colaboradores na definição de metas e estratégias. Valoriza a ordem, a disciplina e o respeito à autoridade.

Cultura de mercado

Já esse modelo cultural é focado na competição e no sucesso financeiro, onde os resultados e o desempenho são os principais indicadores de sucesso.

Nesse sentido, as metas e objetivos são frequentemente voltados para o aumento da rentabilidade e da participação de mercado. Valoriza a eficiência, a competitividade e a busca por vantagens competitivas.

Cultura de clã

Esse outro modelo cultural é baseado em valores familiares e em um ambiente de trabalho colaborativo e acolhedor, onde os colaboradores se sentem parte de uma grande família.

Nessa modalidade, prevalece um forte senso de pertencimento e lealdade entre os membros da equipe. Valoriza o trabalho em equipe, a cooperação e o apoio mútuo.

Cultura adhocrática

E por fim, esse modelo cultural é marcado pela flexibilidade, inovação e adaptabilidade, onde a experimentação e a criatividade são valorizadas.

Isso ajuda a encorajar a autonomia e a tomada de decisões descentralizada, com ênfase na agilidade e na capacidade de adaptação às mudanças do mercado. Valoriza a criatividade, a originalidade e a busca por soluções inovadoras.

É muito importante lembrar que cada tipo de cultura empresarial tem suas vantagens e desafios, e a escolha do modelo mais adequado para uma organização depende de diversos fatores, incluindo:

  • Contexto organizacional;
  • Objetivos estratégicos;
  • Preferências dos membros da equipe.

Como definir sua cultura empresarial?

Partindo para o encerramento do artigo, vamos entender um pouco melhor o processo de definição de uma cultura empresarial.

Para que isso seja realizado de forma eficaz, trouxemos alguns dos principais passos que você seguir:

Identificar os valores fundamentais

Comece identificando os valores e crenças fundamentais que são importantes para você e para os membros da sua equipe.

Talvez seja uma boa ideia se perguntar: 

  • Quais são os princípios que vão guiar as ações e decisões da empresa? 
  • O que é mais importante para nós como organização? 
  • Quais valores não abrimos mão, independente da vantagem que pode ser obtida?

Envolver os colaboradores

Busque incluir os colaboradores no processo de definição da cultura empresarial. Para isso, promova discussões abertas e colaborativas para ouvir as opiniões e ideias de todos os membros da equipe.

É importante ressaltar que o envolvimento dos colaboradores no processo de definição da cultura empresarial aumenta o senso de pertencimento e engajamento.

Comunicar e reforçar os valores

Comunique os valores e crenças da empresa de forma clara, consistente e constante. Para isso, se certifique de que todos os membros da equipe entendam os princípios que orientam as ações da empresa.

É necessário ressaltar também a importância de reforçar os valores da cultura empresarial através de políticas, práticas e comportamentos organizacionais.

Exemplificar os valores na prática

Líderes e gestores devem servir como modelos exemplares dos valores da cultura empresarial. Por isso, demonstre os valores da empresa em suas próprias ações e decisões no cotidiano.

Para isso, reconheça e recompense os comportamentos que estejam alinhados com os valores da cultura empresarial.

Avaliar e adaptar

Avalie regularmente a cultura empresarial da organização para garantir que ela esteja alinhada com os objetivos estratégicos e as necessidades dos colaboradores.

Além disso, esteja aberto a ajustar e adaptar a cultura empresarial conforme a empresa cresce e evolui.

Fomentar a participação e a diversidade

Incentive a participação ativa de todos os membros da equipe na definição e promoção da cultura empresarial.

Para isso, valorize a diversidade de pensamento, experiências e perspectivas, pois isso pode enriquecer a cultura organizacional.

Dessa forma, ao seguir esses passos, você vai estar em melhor posição para definir e cultivar uma cultura empresarial forte, positiva e alinhada com os valores e objetivos da sua organização.

Dessa forma, ao definir e cultivar uma cultura empresarial forte e positiva, você pode atrair e reter talentos, promover a inovação, melhorar o desempenho organizacional e reforçar a identidade da sua marca.

Conheça a Agilize!

Sabemos que nem sempre é simples entender a cultura de uma empresa. Por isso, veja o que os nossos colaboradores falam sobre a Agilize!

Desde a origem do nosso negócio, somos uma empresa que valoriza a criatividade, inovação e muito trabalho em equipe. Por isso, somos conhecidos por nos diferenciarmos do conceito comum em contabilidades.

E nos orgulhamos por isso!

Quer saber como podemos ajudar a sua empresa a se tornar uma referência no mercado? É só clicar no botão abaixo que nós vamos enviar uma proposta personalizada!

Veja outros conteúdos selecionados para você!

  1. Teste de Fit Cultural: o que é e como desenvolver em 4 passos
  2. Treinamento e capacitação de funcionários: por que fazer?
  3. Como a contabilidade pode auxiliar na gestão de uma empresa?