Mal o ano começou e você já está preocupado em como declarar o Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF)2020?

De antemão se você anda agoniado com as novidades do Imposto de Renda para 2020 e não sabe como proceder quanto a isso, calma

Grande parte dos empreendedores que não possuem informações fidedignas e apoio especializado para tomar as melhores decisões quanto à declaração do Imposto de Renda Pessoa Física ficam com a “pulga atrás da orelha” neste período de começo de ano. Aposto que, após ler este artigo, não será o seu caso.

A “mordida do leão” é agressiva para aqueles que são pegos de surpresa, sem o devido preparo e análise do seu custo de oportunidade.

Por isso, se você deseja compreender de um jeito rápido e prático como declarar o seu Imposto de Renda Pessoa Física e transformar o rugido do leão em um miado de um gatinho, fique atento às dicas incríveis que irei compartilhar contigo.

A Agilize, 1° Contabilidade Online do Brasil, sempre preocupada em agregar valor para a sua jornada empreendedora, trará hoje os principais pontos que você deverá implementar na hora de realizar a declaração do seu Imposto de Renda Pessoa Física:

Novidades sobre a Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2020

Você já conhece as mudanças que ocorreram para declaração do Imposto de Renda Pessoa Física em 2020?

À primeira vista, devo frisar que a entrega da Declaração do IRPF 2020 referente ao ano base 2019 deverá ocorrer até às 08 horas do dia 02 de março até às 24 horas do dia 30 de abril.

Um outro ponto extremamente importante, que você precisará dar a devida atenção, é a organização dos documentos necessários para à declaração. Não vacile nessa questão, se não quiser correr o risco de cair na malha fina por besteira. Por isso, organize toda documentação necessária com bastante antecedência.

Há basicamente 2 novidades para a Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física em 2020:

Contribuinte deverá incluir informações complementares sobre alguns tipos de bens (imóveis, veículos, aeronaves e embarcações).

A Contribuição Patronal Previdenciária do Empregado Doméstico não será dedutível

Isso quer dizer que se você contratou um Empregado Doméstico, deixará de se beneficiar de até R$ 1.251,00 do incentivo fiscal por registrá-lo.

Cá entre nós: é um tremendo desestímulo à contratação desses profissionais. Isso é lamentável.

Contribuinte deverá incluir informações complementares sobre alguns tipos de bens (imóveis, veículos, aeronaves e embarcações)

Fique por dentro das informações mencionadas a seguir:

  • Imóveis – área do imóvel, data de aquisição, Inscrição municipal (IPTU), registro de inscrição no órgão público e registro no cartório de Imóveis;
  • Veículo, embarcações e aeronaves – registro no correspondente órgão fiscalizador e/ou número do RENAVAM;
  • Contas correntes e aplicações financeiras CNPJ da instituição financeira.

Dessa forma você poderá se perguntar em algum momento: além de conhecer sobre Impostos, como posso ficar atento a cada detalhe mencionado, se eu preciso tomar tantas decisões importantes que serão responsáveis por consolidar o meu negócio?

Você já ouviu falar do Serviço de Contabilidade Online Inteligente?

Fique ligado nos tópicos a seguir para entender a importância dessa relação na sua jornada e como você poderá aproveitar as vantagens disso!

Descubra se Você Deve declarar o Imposto de Renda 2020

Você está curioso para saber se precisará declarar o seu Imposto de Renda Pessoa Física?

Conheça a seguir as premissas utilizadas para saber se você precisará declarar o seu IRPF:

  • Quem está Obrigado a Declarar o Imposto de Renda
  • Parâmetros da Atividade Rural para Declaração do Imposto de Renda

Quem está Obrigado a Declarar o Imposto de Renda

  • Aquele que recebeu rendimentos tributáveis, que estão sujeitos ao ajuste na declaração e cuja soma foi superior ao montante de R$ 28.559,70;
  • Recebimento de rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, onde a soma foi superior à R$ 40.000,00;
  • Obtenção, independentemente do mês, de ganho de capital, onde houver alienação de bens e direitos e estiver sujeito à incidência do imposto, ou caso tenha realizado operações em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas.

Parâmetros da Atividade Rural para Declaração do Imposto de Renda

  • Aquele que visa compensar, no ano-calendário de 2018 ou que ocorreram posteriormente a esse, os prejuízos de anos-calendário anteriores ou do próprio ano-calendário de 2018;
  • Se obteve a posse ou a propriedade de bens ou direitos, inclusive terra nua, de valor superior à R$ 300.000,00 em 31 de dezembro;
  • Aquele que obtiver receita bruta em um valor superior à R$ 142.798,50;
  • Se tornou-se residente no Brasil, independentemente do mês, e nesta condição se encontrava em 31 de dezembro;
  • Caso tenha optado pela isenção do imposto sobre a renda incidente proveniente do ganho de capital, que foi auferido na venda de imóveis residenciais, onde o produto da venda foi aplicado na aquisição de imóveis do mesmo tipo, localizados no País, dentro do prazo de 180 dias contados da celebração do contrato de venda, nos termos do art. 39 da Lei nº 11.196, de 21 de novembro de 2005.

Observação: devo frisar que, caso não se encaixe em nenhuma das premissas acima, você não será obrigado a realizar a declaração, a não ser que, no momento, esteja como dependente de outra pessoa física.

Me diz uma coisa: você consegue imaginar como seria maravilhoso resolver tudo isso de um jeito super simples?

O Serviço de Contabilidade Online Inteligente pode fazer isso por você!

Atente-se às Declarações da PF, PJ e às suas Vantagens!

Todo o rendimento e despesa deverá ser declarado, não importa o contexto (direto ou indireto).

Sendo uma das premissas apresentadas no tópico anterior se adequa à sua atual situação, fique bem atento ao que direi agora para você: a sua declaração de Imposto de Renda de Pessoa Física engloba seus rendimentos e despesas tanto de PF (Pessoa Física) quanto de PJ (Pessoa Jurídica).

Isso quer dizer que, além dos seus rendimentos e gastos pessoais, provenientes de outras fontes, aqueles oriundos da sua empresa também devem ser declarados no seu IRPF.

Observação: não é porque você é empreendedor/empresário que necessariamente precisa realizar a declaração de Imposto de Renda Pessoa Física. No entanto, vale ressaltar que, ao declarar, você possuirá em mãos um comprovante de rendimento. Isso poderá ser válido para você, quando precisar realizar empréstimos junto às instituições financeiras ou obtenção de vistos para outros países, por exemplo.

Interessante, né? 

Dessa maneira você percebe agora a importância da otimização dos processos para obtenção de informação em tempo hábil?

Logo, você sabia que o Serviço de Contabilidade Online Inteligente realiza tudo isso e possui como prioridade gerar economia de tempo para que possa converter isso em aumento de valor e autoridade para o seu empreendimento?

Como os Sócios deverão fazer a Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2020 (IRPF)

Caso você faça parte de uma sociedade, sabia que há pontos que, necessariamente, deverão estar presentes na declaração do Imposto de Renda Pessoa Física?

Ficou curioso para saber como proceder nessa questão? 

Então, fique atento nesses pontos a seguir:

    • CNPJ e Razão Social da Empresa;
    • Quantidade das Cotas ou Ações atuais. Toda e qualquer movimentação (compra/venda) deverá ser informada;
    • Se a sua sociedade for uma LTDA., você deverá indicar o valor que consta no Contrato Social, pois nesse registro há a Razão Social, Data de Início da Atividade, Atividade Exercida, o Capital Investido e as Regras Gerais do Negócio.

Não vacile quanto essas questões. Mais adiante, verá que observar os detalhes ao declarar o seu Imposto de Renda Pessoa Física é o que evitará erros e, consequentemente, futuros problemas junto ao fisco.

Aposto que o seu intuito é maximizar seus lucros e reduzir seus gastos, né?

Além de fazer isso por você, um Serviço de Contabilidade Online Inteligente manterá toda a informação organizada e pronta para os momentos mais importantes da sua jornada empreendedora.

Aprenda a Declarar o Lucro da Empresa

Você quer aprender o passo-a-passo para realizar a Declaração do Lucro da Empresa e evitar a possibilidade do erro? 

Dessa maneira você deverá classificar a natureza dos recursos recebidos anteriormente.

Eis as classificações possíveis:

    • Pró-labore: valor recebido pelo proprietário da empresa ou sócios referente ao trabalho exercido. Para a declaração desse montante recebido é necessário a emissão do Informe de Rendimentos pela empresa;
    • Dividendos: distribuição dos lucros da empresa entre o proprietário ou sócios, conforme o acordo presente na formalização do Contrato Social.

Nesse tipo de rendimento não há recolhimento de INSS e IRRF, pois são isentos e não tributáveis.

Esse rendimento só é passado para o proprietário ou sócios, se não houver obrigação tributária a ser sanada. Geralmente, no começo da jornada empreendedora é comum esse montante ser investido na ampliação do próprio negócio;

    • Reembolso de Despesas: não deve ser declarado, visto a natureza da renda não ser direta nem indireta;
    • Valor Recebido à Título de Mútuo: operação realizada entre Pessoas Físicas e Jurídicas. É o tipo de Empréstimo que pode ser substituído por outros da mesma espécie, qualidade e quantidade. Por ser classificado como uma dívida, deve ser declarado;
    • Divisão de Lucros: após a definição da natureza dos recursos recebidos e conforme cada cota estabelecida no Contrato Social (caso seja uma sociedade), será gerado o Informe de Rendimentos Individual pela Contabilidade com a demonstração dos valores respectivos. Se, porventura, em um determinado mês um dos sócios trabalhar mais do que o outro, uma Ata de Reunião deverá ser feita e registrada em cartório, e explicitar que todos os componentes da sociedade estão em comum acordo quanto ao recebimento do valor desproporcional (referente à divisão das cotas) naquele período;
    • Débitos Tributários: caso a sua empresa possua Débitos Tributários, você (e sócios, caso possua) não obterá o Informe de Rendimento constando o valor que recebeu da empresa. Nesse caso, o mesmo virá zerado (sem lucro a declarar). Para que a situação seja resolvida, você precisará regularizar essas pendências.

Em meio a tantas decisões importantes para consolidar a sua empresa, você consegue imaginar o tempo que levaria para resolver tudo isso?

Portanto se eu te disser que um Serviço de Contabilidade Online Inteligente será definitivo para longevidade do seu negócio quanto às resoluções das questões apresentadas, seria incrível, né?

Pois saiba que tudo isso está a sua disposição!

Como Entregar a Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2020 (IRPF)

Assim você gostaria de otimizar a entrega da sua declaração de uma vez por todas?  

Saiba que, de antemão, a declaração do Imposto de Renda Pessoa Física poderá ser feita de forma Completa ou Simplificada.

De uma forma geral, quando seus bens estiverem resumidos basicamente àqueles vinculados à empresa, o ideal é realizar a Forma Simplificada (declarar apenas os Rendimentos Tributáveis e os Não Tributáveis). Do contrário, o ideal será a Forma Completa.

Dito isso, para entregar a sua declaração, você deverá ser feita através das seguintes ferramentas:

Percebe a importância do uso da tecnologia ao seu favor?

Por isso, tire proveito dos benefícios que a mesma trará para você. As vantagens são absurdas para quem sabe utilizar da forma correta.

Portanto podemos lhe ajudar com isso!

Como Proceder para ser Restituído?

Você seguiu todas as recomendações e não vê a hora de descobrir em qual lote para restituição será publicado o seu nome?

Assim se você seguiu todas as orientações da Agilize, então não cairá na malha fina. Logo, saiba que será restituído conforme as normas pré-estabelecidas.

A restituição será feita em lotes que ocorrerão no período de junho à dezembro de 2020. Devo frisar que Aposentados e Portadores de doenças graves terão prioridade nos primeiros lotes. Todas as restituições que serão pagas possuem como base a Taxa Selic (Sistema Especial de Liquidação e Custódia).

Por isso, se você deseja fazer uma consulta e analisar a sua questão quanto à restituição toque aqui!

Prazo e Penalidades

Você não quer correr o risco de aumentar os seus gastos por falta de organização, né?

Saiba que, aquele que perder o prazo da entrega da declaração do Imposto de Renda Pessoa Física, pagará uma multa de 1% ao mês-calendário ou fração sobre o montante total declarado, mesmo que seja integralmente pago. Esse percentual está limitado à taxa de 20%.

Após o prazo acabar, a multa passa a incidir sobre o montante.

Vale ressaltar que a multa mínima aplicada será de R$ 165,74.

Após o contribuinte enviar a sua declaração atrasada, receberá uma notificação sobre a multa. A mensagem deverá ser impressa junto com o recibo de comprovação do envio junto com a Darf para pagamento.

O montante deverá ser pago em um prazo de até 30 dias. Após isso, caso não pague, o valor será reajustado com juros de mora.

Você concorda que toda informação passada até aqui, poderá fazer uma grande diferença no seu empreendimento?

Contudo é provável que você esteja um tanto preocupado com o tanto de informação que deverá se atentar. No entanto, se você não quiser sofrer com isso, não deixe de ler o tópico a seguir! 

O Detalhe que Fará Tudo dar Certo

Após ler todo esse artigo, sugiro que analise com calma o seu Custo de Oportunidade, pois, ao longo deste tópico, compartilharei uma dica valiosa com você!

Se você deseja evitar a qualquer custo o risco de, por conta de um detalhe, cair na malha fina e/ou pagar uma multa, fique ligado nos 3 erros mais comuns que as pessoas cometem ao declarar o seu Imposto de Renda Pessoa Física:

    • Não manter a documentação exigida organizada: não se esqueça que muitas vezes, determinados documentos, precisarão ser solicitados à empresa e, mesmo você, fazendo parte dela, precisará de tempo. Isso poderá atrapalhá-lo;
    • Omissão de Rendimentos: a Receita Federal não utiliza apenas a Declaração do Imposto de Renda como única fonte de informação. Há outras fontes que são utilizadas no processo para averiguar informações. Logo, não cogite correr esse risco;
    • Cuidado com a Digitação: digitar um dado errado é humano, mas esse erro poderá lhe custar muito caro. Digite com calma e consciente do que está fazendo.

Então, muitos acabam por errar nesse momento (Aposto que você não quer cair na malha fina por isso).

Errar é humano. Mas, se, ao analisar seu custo de oportunidade, você perceber que uma escolha sua poderá resolver todos esses problemas, irá decidir sem titubear pela solução dessas questões ou se permitirá o risco do erro?

Como sei que você não está aqui a toa, tenho plena certeza que fará a melhor escolha: a solução Inteligente.

Fazer uso das vantagens da tecnologia e otimizar o seu empreendimento do jeito certo é algo que demonstra o seu diferencial, a sua luta contra a mediocridade.

Afinal, se você não quer ser mais 1 no meio da multidão, economizar seu ativo mais precioso, seu tempo, além de poder agregar valor para a sua empresa, toque aqui e agilize a solução para os seus problemas já!

Escolha uma contabilidade movida por facilidades. Conheça a Agilize


Contabilidade completa – Cuidamos de todas as suas obrigações contábeis
Atendimento excelente – Telefone, chat ou e-mail
Tudo pela internet – Emita notas fiscais e acompanhe tudo no nosso aplicativo financeiro gratuito

Quero receber uma proposta

Gostou do nosso artigo?

Deixe um comentário, logo abaixo!

Assine a nossa newsletter, aproveite e siga-nos nas redes sociais!

Leia também:

Rafael Caribé

Rafael Caribé

CEO da Agilize Contabilidade Online. Formado em Ciência da Computação pela Universidade Federal da Bahia. Adoro criar coisas novas e vê-las prosperar. Empreender é uma coisa natural para mim. É o que amo fazer!

Faça um Comentário

Você pode trocar de contabilidade quando quiser. Não é necessário finalizar o ano fiscal, e não tem nenhum custo.

Tem alguma dúvida sobre por que você deve contratar a Agilize? Fale com um dos nossos contadores experts:

Ligamos para você

Entraremos em contato em até 30 minutos, e você não estará assumindo nenhum compromisso com a Agilize.
(de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h)

Você considera contratar uma contabilidade online?

4 coisas que você deve considerar ao contratar uma contabilidade online:

Os preços cobrados pela contabilidade online

Você deve se proteger de empresas que não são transparentes nos preços cobrados. Na Agilize, você fica ciente de absolutamente tudo que será cobrado, sem pegadinhas, com planos a partir de R$ 99. E não cobramos a 13ª mensalidade dos nossos clientes.

Os serviços prestados pela contabilidade online

Fique atento(a) aos serviços prestados para que você não tenha surpresas no futuro. A Agilize é uma contabilidade completa, que atende empresas de prestação de serviços em 14 cidades no Brasil.

O aplicativo financeiro e contábil

Oferecer um aplicativo de gestão financeira e contábil completo e que funcione corretamente é fundamental para que você possa focar no crescimento do seu negócio. A Agilize oferece um sistema completo, que funciona em computadores, celulares e tablets.

O atendimento é feito por contadores experts

É importante que você saiba quem está cuidando da sua empresa, e também que tenha acesso a essas pessoas. Na Agilize, você conta com um time de contadores experts acessíveis desde a contratação, sempre que precisar.